Review – Supernatural

Oie oie  gente, eu sou a Be e estamos de volta com mais um Review do Supernatural!

Estamos um pouco atrasados com o Review do Supernatural, mas sabe como é. Janeiro foi mês de férias. Mas agora estou de volta e trago os reviews dos episódios 9,10 e 11 da nossa amada série. E claro com surpresas no post!


Para os fãs: 


12×09 – First Blood

“First Blood” foi o 250º episódio de Supernatural .

Dean e Sam

Sam e Dean foram levados pelo Serviço Secreto por tentar assassinar o presidente. Castiel e Mary não têm ideia de como encontrá-los. Para sair da prisão Sam e Dean fazem um pacto com a Billie. Cas mata Billie, dizendo que o mundo precisa dos Winchester, de cada um deles.

  • Review:

Castiel parecia perdido com a ausência de Sam e Dean. A pergunta que não cala é: Como um anjo não consegue achar os Winchester? Essa não é uma das habilidades de um anjo? Saber onde encontrar pessoas? Como ele conseguiu não achar Sam e Dean por 6 semanas? O que levou ao Dean a fazer um acordo com a Billie.

Sobre a fuga: A fuga foi certamente melhor do que as cenas da prisão, mas ainda havia muito foco em seus perseguidores. A perseguição através da floresta nos deu algumas linhas fantásticas.

Falas épicas:

“Bem, o que temos aqui é uma falha de comunicação. Porque nós não estamos presos aqui com você. Você está preso aqui com a gente.” – Dean Winchester.

“Nós somos os caras que salvaram o mundo.” – Sam Winchester


 12×10 – Lily Sunder Has Some Regrets

Sam, Dean, Castiel

Cas recebe uma mensagem de um anjo que é seu amigo. Castiel conta sobre a história da mulher – LilySunder que está matando os anjos para Sam e Dean.

Dean e Sam decidem tentar convencê-la a deixar a vingança de lado. Lily diz que sua filha foi morta pelo anjo Ishim.

Dean decide confirmar com Cas.

Dean conta a Cas que Ishim está o enganando.

Lily tenta matar o anjo. Castiel consegue matar Ishim, e então pede desculpas pelo que aconteceu a filha de Lily.

Dean e Sam conversam sobre o nefilim e perguntam se Cas vai ter coragem de matá-lo, Cas diz que não tem certeza. 

  • Review:

Além de expandir nossos conhecimentos sobre a história dos anjos na Terra e suas interações com a humanidade, este episódio lidou com as conseqüências pessoais da decisão de Castiel de salvar os Winchesters ao golpear Billie. Embora ainda não saibamos quais seriam as “consequências cósmicas” de suas ações. Enquanto Dean mal falava com seu amigo anjo.  Sam insistia de que Cas tinha agido por todas as razões certas. Dean estava determinado a dar  gelo em Cas. Castiel, por sua vez, se sentia igualmente teimoso, e isso fez com que uma longa e estranha viagem de carro, ao partirem para investigar o assassinato do velho irmão de Cas, o anjo Benjamin. Não havia nem mesmo qualquer música.

Embora o enredo desse episódio fosse bastante simples, ele levantou algumas perguntas sobre o que provavelmente serão os principais arcos da temporada – ou seja, o nascimento do filho de Lúcifer, e as consequências de Cas quebrando o acordo de Sam e Dean.


12×11 – Regarding Dean

Rowena e Dean

Dean é atingido por um feitiço enquanto caçava um bruxo em uma floresta. Dean não se lembra do que aconteceu. Sam liga para Rowena pedindo Sam liga para Rowena pedindo, após desconfiar que seu irmão foi enfeitiçado. Rowena diz que o único modo de ajudar Dean é matando o bruxo. O bruxo que enfeitiçou Dean morto. Rowena conta sobre o feitiço e de onde ele vem. E diz que só pode quebrar o feitiço se eles conseguirem o livro dos outros bruxos.

Dean tenta se lembrar de tudo que Sam disse, mas aos poucos vai se esquecendo completamente de tudo.

Sam encontra a casa dos bruxos.

Dean acorda no Impala, ha bilhetinhos colados nos vidros

Rowena vai até a casa dos bruxos. 

Dean entra na casa e atira na bruxa.

Rowena cura Dean, e ele brinca com Sam fingindo que não deu certo.

  • Review:

Regarding Dean, foi um daqueles episódios que faz você rir e  seu coração quebrar. Foi engraçado e triste, tudo ao mesmo tempo, com momentos incríveis de irmãos, momentos incríveis  completamente incríveis do Dean.

Jensen  apresenta uma performance impressionante,  nos mostrando aspectos de Dean que nunca vimos – um Dean que era despreocupado, mas não da mesma forma que era quando estava sob a influência da Marca de Caim. Este Dean ainda era uma boa pessoa, ele ainda queria fazer a coisa certa, ele ainda queria caçar e ajudar, ele ainda queria ser Dean, apesar de estar perdendo toda a sua memória. Jensen  foi capaz de tirar muito de quem Dean é, mas ainda manter a essência do personagem.

Momentos engraçados: Sam rotulando tudo para o Dean, e o Dean não se lembrando de quem era Rowena. (kkkkkkkkkkk)

A cena na qual Dean olha para si mesmo no espelho repetindo seu mantra – o seu nome, o nome do seu irmão, de sua mãe e do seu amigo. E a cada vez que ele falava, ele não era capaz de se lembrar, cortou profundamente meu coração. (aka rio de lágrimas)

Então nós terminamos o episódio com uma montagem de Dean montando Larry o touro. Sério que cena foi essa??? (Foi tipo, Jensen acabe com todas as mulheres e homens do mundo, vá montar aquele touro mecânico kkkkkk – Sério Ackles … apenas pare….. Não! Pode continuar, a gente gota de sofrer. É por uma justíssima causa)


Trilha sonora: 

Trilha sonora episódio  – 12×09 – First Blood

  • If You Want Blood (You’ve Got It) – by AC/DC
  • Ghost Town – by  The Specials
  • En el Cielo No Hay Cerveza (In Heaven There Is No Beer) –  by Flaco Jimenez

Trilha sonora episódio  –  12×10 – Lily Sunder Has Some Regrets

Não teve música

Trilha sonora episódio  – 12×11 – Regarding Dean

  • Raggedy Ann – by SPN Cast
  • Broomstick Cowboy – by Bobby Goldsboro

Escute em nossa playlist no youtube! (em breve a página Soundtrack season 12)

Saiba o que vai acontecer no próximo episódio de Supernatural 12×12 – Stuck in the Middle (With You)

Fique ligadinho aqui no JBR!

Até a próxima Ackleholics!!

    

Comente aqui com a gente também