Review – Supernatural 12×13

Oie oie  gente, eu sou a Be e estamos de volta com mais um Review do Supernatural! Um episódio atraso, mas estávamos em pleno carnaval….

Mas aqui estamos nós para o Review do 13º episódio da temporada 12.


Para os fãs: 


12×13 – Family Feud

Os garotos estão sem pistas da mulher com o bebe de Lucifer.

Sam acha um caso e Dean resolve convidar Mary, mas ela se recusa.

Crowley conversa com Lúcifer sobre seus planos pra ele.

Dean diz a Sam que acha que algo está acontecendo com Mary.

Gavin (filho de Crowley) retorna quando o caso que Dean e Sam estão investigando está ligado ao navio que afundou em 1723, que era o mesmo que Gavin estava antes de ser mandado para os dias atuais (na nona temporada).

Eles descobrem que o espírito vingativo estava ligado a um medalhão, que Gavin deu a sua namorada, Fiona, antes de ele embarcar no navio. Como ele nunca chegou a embarcar; sua namorada que pretendia surpreende-lo, acabou embarcando sozinha, e morrendo.

Dean e Sam dizem que o único jeito de consertar tudo, será o Gavin voltar no tempo e embarcar no navio. Depois que Gavin retorna para o passado, levando o espírito de Fiona junto, todas as pessoas que tinham sido mortas pelo espírito de Fiona, estavam vivos.

Mary retorna ao Bunker, e revela a Dean e Sam que ela está trabalhando com os britânicos.

Dean não gosta nada disso, e se sente traído por sua mãe.

Só tenho uma coisa a dizer desse episódio que foi muito bom. É que quero muito socar a face da Mary. Muito P**** com ela até agora! Mas tirando essa parte, o episódio foi maravilhoso, com uma boa história, que foi resolvida rapidamente sem maiores complexidades. E adorei que o Mark (Aka tio Lú) está de volta a série. Ele é o primeiro e único Lúcifer!  


Trilha sonora episódio  – 12×13 – Family Feud

  • Play With Fire – by  The Rollings Stones

Escute em nossa playlist no youtube! (em breve a página Soundtrack season 12)

Fique ligadinho aqui no JBR!

Até a próxima Ackleholics!!

    

Comente aqui com a gente também