Review Supernatural – 11×04 – Baby

JBR - Jensen Ackles S11 season 11 capa promo

Oioi gente, estou aqui para comentar com vocês sobre o episódio 4 🙂 confesso que só pelo nome do episódio já comecei amando *-*

Finalmente a nossa Baby teve um episódio só pra ela. Claro que o Impala não poderia deixar de ter um especial focado nela. O carro que alem de ser a maior paixão do Dean, leva os meninos por todas as viagens. Não podemos deixar der lembrar de quantas vezes a nossa Baby foi detonada, e reconstruída pelo Dean (como no inicio da 2ª temporada e 7ª temporada que podemos ver o Dean com mãos a obra.) Ela também ficou paradinha no inicio da sexta temporada (por um ano mais ou menos, enquanto Dean estava com Lisa e Ben) Como ela foi detonada ao final da Sétima temporada, quando Meg atravessa uma parede de vidro com o carro. O desleixo de Dean na decima temporada quando ele era um demônio.  E com ela manteve os Winchester durante a chegada da escuridão. Enfim, a Baby é um personagem mais do que especial do show. Ela é o elemento que nos remete a viagem de caçadas, e o elo entre os irmãos, e até mesmo a própria casa deles.

E antes de começar com o nosso Review, vamos deixar a famosa explicação da importância do Impala, feita por Chuck no final da 5ªtemporada!

“Em 21 de abril de 1967, 100 minhões de veiculos da GM, saíram de linha das instalações de Janesville. Um Camprice, duas portas azul. Foi uma grande cerimônia, discursos, até o governador, apareceu. 3 dias depois, outro carro da mesma linha, saiu. Ninguém deu a minima para ele, mas deveria. Porque esse Chevrolet Impala de 1967 viria a se tornar o mais importante objeto em praticamente todo o universo.Ela foi comprada primeiro por Sal Moriarty, um alcoolatra, com 2 ex-mulheres e 3 artérias bloqueadas. Nos fins de semana ele dirigia por ai, dando bíblias aos pobres, “Fazendo o certo para o dia do julgamento.” era o que ele dizia. Sam e Dean não sabem disso, mas se soubessem, iriam sorrir.Depois que Sal morreu ele acabou no Rainbow Motors, um lote de carros usados, em Lawrence. Onde um jovem da marinha a comprou por impulso, isso é, depois do conselho de um amigo (Dean). Acho que é aqui que essa história começa. E aqui que ela acaba. O Impala, claro, tem tudo que os outros carros tem. E algumas que os outro não tem. Mas nada disso é importante. Isso que é importante: o homenzinho do exercito que o Sam enfiou no cinzeiro…Ele ainda está lá; Os LEGOS que Dean jogou no ar, até hoje, quando esquenta, dá pra ouvi-los bater.Essas são as coisas que tornam o carro deles. Realmente deles. Até quando Dean o reconstruiu do zero, ele cuido para que tudo ficasse como estava. Pois são essas coisinhas que a fazem linda. Entre os trabalhos Sam e Dean as vezes conseguiam um dia, as vezes uma semana se tivessem sorte, eles passavam o tempo enchendo os bolsos. Sam costumava insistir em trabalhos honestos, mas agora ele joga bilhar, como seu irmão. Eles poderiam ir a qualquer lugar e fazer qualquer coisa. Eles dirigiam 1.500 quilômetros por um show do Ozzy, dois dias por um jogo do Jawhawhs e quando tudo estava claro eles paravam no meio do nada, sentavam no capô e olhavam as estrelas… Por horas… Sem diser uma palavra. Nunca passou pelas suas mentes que, claro, talvez eles nunca tivessem um teto e quarto paredes. Mas eles nunca foram, de fato, sem teto”…

Aperte o play e relembre!

review spn - jbr

Breve resumo do episódio:

SPN - Season 11 - episode 4 Baby (97)O episódio inicia, mostrando o estado em que ficou o impala, ele está todo quebrado e cheio de sangue por todas as partes. Depois voltamos há a 48 horas atrás…. Dean está lavando o impala e Sam chega. Ele e Dean conversam e resolvem sair para resolver um caso, como era nos velhos tempos. Cas liga para eles dizendo que não achou nada a respeito do caso que eles estão indo resolver, Dean aconselha Cas a voltar a descansar, mas ele insiste em ajudar, porem Sam o convence e até fala para ele assistir ao netflix (ahahaha.) Sam sonha que John está ao seu lado no impala. Dean diz a Sam que ele estava cantando dormindo, e Sam conta sobre suas visões. E conta sobre a visão com o John e diz que essas visões podem estar vindo de Deus. E revela que isso começou a acontecer depois que ele rezou no hospital, e ele confessa a Dean que foi infectado. Dean fala pra ele parar de pensar nisso. Dean confessa que as vezes sonha com John e que eles tem uma vida normal e Sam diz que também sonha com Mary. E Dean diz que eles vão ter que lidar com a “Escuridão” sozinhos, como sempre fazem. Eles investigam o caso e acham que é um vampiro/lobisomem ou como o Dean mesmo chamou:SPN - Season 11 - episode 4 Baby (147) Lobipiro (ahahaha.) Cas liga e diz que o monstro é um nosferatu, uma mistura de ghoul com vampiro e diz que para matá-los, precisam lembrar que eles já estão mortos, e pegarem uma moeda e colocá-la em sua boca e cortar a cabeça. Ele diz também que se matarem o Alfa, todos que se transformaram, voltam ao normal. Ao final eles descobrem que os nosferatu estavam criando um exercito para combater a “Escuridão”. Após tudo resolvido, Dean coloca Sam no carro, e eles comentam sobre o fato de até os monstros estarem com medo da Escuridão. Dean diz que eles vão acabar com isso agora, mas Sam decide começar amanhã, pois precisa descansar, amanhã.  Dean decide ir pra casa e Sam diz que o impala já é a casa deles.

 Nossa Opinião:

Com certeza esse foi de longe um dos melhores episódios de Supernatural ao longo das 11 temporadas.O episódio teve um ótimo enredo, falas consistentes, e a boa e velha caçada dos primeiros anos de Supernatural. E ver a estória dos irmãos pelo ponto de vista do Impala, foi uma sacada arriscada, mas que deu super certo. Foi como se a gente estivesse bem no banco de trás do impala, participando da caçada e dos momentos de irmãos. O episódio em si não teve muitos elementos comuns a série, foi um lance mais minimalista, mas que deu super certo.  Ver o lado das longas viagens, os estudos, as conversas dos irmãos. Foi uma ótima experiencia.  E mais uma vez, aplaudimos de pé esse episódio e a ideia genial de ter uma câmera fixa em alguns lugares do impala. Foi emocionante, e divertido.

Esse episódio já é de longe um dos meus episódios favoritos de toda a série.

Soundtrack  do episódio

Olá galera. Cá estou eu de novo pra falar das músicas desse episódio MARAVILHOSO que foi ao ar essa semana. Haja coração! E a trilha sonora não podia ser mais perfeita né? Vamos lá…

Pra começar temos Guitar Man (Bread) na cena em que Dean e Sam estão lavando a baby. Não mostrou os shorts do Dean hahaha que pena né.

Em seguida temos I wanna know (Big Jack Johnson & The Oilers) toca quando eles chegam no motel.

E a mais marcante Night Moves (Bob Seger & The Silver Bullet Band). Dean e Sam cantando dentro do Impale, definitivamente uma cena que vai ficar marcada, com direito a improviso do Sam mudando a letra de “Out in the back seat of my 60 Chevy” para “Out in the back seat of my brother’s 67 Chevy”. Quem aí se emocionou também?

Ah e tem também o Dean citando We’ve got tonight, também do Bob Seger.

Bom gente por hoje é só, espero que vocês tenham gostados da trilha sonora do episódio, assim como eu. Qualquer dúvida, podem me perguntar no twitter @wishchester. Beijos

Multimídia do episódio

SCREENCAPS EM HD  DOS EPISÓDIOS 11×03 e 11×04 – clique aqui!

PACOTÃO DE GIFS DO EPISÓDIO (EM BREVE)

Deixe sua opinião sobre o episódio aqui nos comentários! Nós adoramos ler vocês!

Até ao próximo post de Supernatural amores!

XOXO Equipe JBR!

     

1 comentário on “Review Supernatural – 11×04 – Baby”

Comente aqui com a gente também